‘Micheque’: Música do Detonautas para Michelle Bolsonaro vira caso de polícia

Foto: Alan Santos/PR

A canção “Micheque”, lançada pela banda de rock Detonautas, virou caso de polícia. A faixa faz uma sátira aos depósitos de R$ 89 mil na conta bancária da primeira-dama Michelle Bolsonaro, feitos por Fabrício Queiroz, ex-assessor do seu enteado, Flávio Bolsonaro.

A esposa do presidente Jair Bolsonaro prestou queixa, na última quinta-feira (24), contra o grupo. Segundo publicou o blog Sonar, do jornal O Globo, Michelle se diz vítima de injúria, calúnia e difamação. Ela pede que a música seja retirada imediatamente de todas as plataformas digitais e requer ainda que a música seja proibida de ser executada em qualquer lugar público ou privado.

Composta pelo vocalista dos Detonautas, Tico Santa Cruz, e participação especial do humorista Marcelo Adnet imitando a voz do presidente Jair Bolsonaro, “Micheque” faz uma sátira à pergunta feita pela imprensa e repercutida por personalidades e cidadãos: ”Bolsonaro, por que sua esposa, Michelle, recebeu R$ 89 mil de Fabrício Queiroz?”.

As informações são do Bahia Noticias

Comments

Comentários no Facebook

shared on wplocker.com