VI Conferência Municipal Dos Direitos da Criança e do Adolescente é ralizada em Capim Grosso

VI Conferência Municipal Dos Direitos da Criança e do Adolescente é ralizada em Capim Grosso

Na terça-feira, 13 de novembro, a Prefeitura Municipal de Capim Grosso, através da Secretaria de Assistência Social e Cidadania e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) promoveram a VI Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, cujo tema debatido foi “Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento as Violências”.

O tema da Conferência foi abordado na palestra ministrada por Antônia Luzia Silva Santos que é Bacharel em Direito, Consultora do Instituto Antônia Conselheira e atual membro do Fórum Colegiado Nacional de Conselheiros Tutelares. O objetivo do evento foi mobilizar as pessoas para a construção de propostas para a proteção integral da criança e do adolescente nas políticas públicas, fortalecendo as ações de enfrentamento à violência.

Foram divididos os mesmos elaboraram propostas nos cinco eixos: garantia dos direitos e políticas públicas integradas e de inclusão social; prevenção e enfrentamento da violência contra crianças e adolescentes; orçamento e financiamento das políticas para crianças e adolescentes; comunicação social e protagonismo de crianças e adolescentes; e espaços de gestão e controle social das políticas públicas de promoção, proteção e defesa dos direitos da criança e do adolescente.

A Palestrante Antônia Luzia comentou que “a proteção integral é responsabilidade de todos. Estarmos preparados para enfrentar e trabalhar a diversidade no dia-a-dia sem discriminação a questão religiosa, étnico-racial, orientação sexual, a questão dos povos tradicionais e a questão do enfrentamento a violência. Nós sabemos que tem existe a violência contra crianças e adolescentes, então precisamos enfrentar, mas para isso é preciso empoderar eles, para que possam denunciar e após a denúncia, a gente precisar tratar essas pessoas que sofreram a violência e por outro lado responsabilizar aqueles que são agressores, porque ai conseguimos de fato garantir esses direitos.”

As informações são do Fr Noticias

Comments

Comentários no Facebook

shared on wplocker.com