Greves de servidores perdem força, e BC deve encerrar paralisação

Servidores do BC podem encerrar greve em assembleia nesta terça-feira

Servidores do BC podem encerrar greve em assembleia nesta terça-feira Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

Movimentos grevistas no funcionalismo federal vêm perdendo força, com servidores retornando ao trabalho mesmo diante da ausência de liberação de reajustes pelo governo federal, iniciativa que deve ser acompanhada pelos trabalhadores do BC (Banco Central) em assembleia nesta terça-feira (5).

Sem conseguir aumentos neste ano, categorias agora prometem manter mobilização para pressionar o governo e o Congresso a reservar recursos no Orçamento do ano que vem para que os reajustes sejam concedidos na próxima gestão.

“A greve já não faz mais sentido porque qualquer reajuste será para 2023. Vamos fazer mobilização diferenciada para conseguir a aprovação da lei e a inclusão no Orçamento do ano que vem”, afirma o presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do BC, Fábio Faiad.

De acordo com o presidente do sindicato, o encerramento da greve no BC deve ser aprovado. Entre as categorias que entraram em greve e já retornaram ao trabalho, estão as da Controladoria-Geral da União, Tesouro Nacional e INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), segundo os sindicatos das categorias.

O Executivo tinha até o fim de junho para definir, aprovar e sancionar todas as regras e reservas orçamentárias caso fosse conceder reajustes ainda neste ano. A lei eleitoral proíbe a liberação desses benefícios nos seis meses finais de mandato do presidente.

Durante as negociações, o governo chegou a indicar que liberaria um aumento linear de 5% a todos os servidores federais a partir de julho deste ano, mas o plano travou e não foi efetivado. A ideia de aumentar o vale alimentação do funcionalismo neste ano também não saiu do papel.

De acordo com duas fontes do Ministério da Economia, o governo deve reservar verba no Orçamento de 2023 para liberar os aumentos. O valor, segundo os relatos, não está definido e deve ser calibrado até o envio do projeto de Lei Orçamentária Anual ao Congresso em agosto.

Em abril, ao apresentar as diretrizes do governo para as contas de 2023, o secretário especial do Tesouro e Orçamento do Ministério da Economia, Esteves Colnago, disse que o governo previa uma reserva de R$ 11,7 bilhões para essa finalidade. O custo anual de um aumento linear de 5% era estimado pela pasta em R$ 12,6 bilhões.

A Lei de Responsabilidade Fiscal proíbe o governo de editar ou aprovar medida que reajuste salários do setor público com a previsão de pagamento de parcelas após o final do mandato.

Por isso, segundo as fontes, o governo deve apenas reservar o valor de um eventual reajuste no Orçamento. A decisão final, com envio das medidas para efetivar os aumentos, caberá ao presidente que estiver no cargo no próximo mandato, a partir de janeiro de 2023. “O que este governo pode fazer é aprovar uma dotação que será, ou não, aproveitada pelo próximo governo”, disse uma das autoridades.

As paralisações de categorias afetaram serviços e atrasaram a divulgação de indicadores. No BC, por exemplo, com servidores em mobilização desde o início do ano, foram impactados projetos internos e as apresentações de dados econômicos.

Os servidores Receita Federal não chegaram a entrar em greve, mas passaram os últimos meses em operação padrão, com impactos sobre a liberação de mercadorias em postos aduaneiros. Procurado, o Sindifisco Nacional informou que a mobilização será mantida em todo o país.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Bolsonaro convoca ministros para reunião 

Bolsonaro convoca ministros: agendas bloqueadas das 8h às 11h e ampliação de benefícios

Bolsonaro convoca ministros: agendas bloqueadas das 8h às 11h e ampliação de benefícios Adriano Machado/Reuters – 2.2.2022

O presidente Jair Bolsonaro (PL) convocou a equipe ministerial para uma reunião de governo na manhã de terça-feira (5). A reunião será no Palácio do Planalto e deve ser longa. A agenda de todos os ministros foi bloqueada das 8h às 11h.

A expectativa é que um dos temas em discussão seja em torno dos benefícios sociais que podem ser ampliados caso a PEC (proposta de emenda à Constituição) seja aprovada pelo Congresso Nacional. 

O Blog conversou com técnicos que fazem a avaliação em torno da ampliação do Auxílio Brasil, que pode passar de R$ 400 para R$ 600. Existe hoje cerca de 1,6 milhão de inscrições no programa social. Para receber o Auxílio Brasil, o cidadão faz uma autodeclaração nas prefeituras e o Ministério da Cidadania faz a checagem das informações para verificar quais famílias têm realmente direito ao benefício. A estimativa inicial, já que os números não estão fechados, é que cerca de 10% das inscrições sejam elegíveis e tenham direito ao Auxílio Brasil.

Nas avaliações feitas pelo Ministério da Cidadania são checadas informações como a renda. Muitas vezes os inscritos têm, por exemplo, carros registrados. Podem receber o Auxílio Brasil as famílias que vivem em situação de extrema pobreza ou pobreza, com renda familiar por pessoa de até R$ 210.

O ministro da Cidadania, Ronaldo Vieira, explicou ao Blog que “a gente [governo] está acelerando averiguação para fechar o cadastro das famílias que têm direito ao benefício [Auxílio Brasil] para fazer o pagamento em agosto”. Os números devem ser fechados até o fim do mês pelo Ministério da Cidadania.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Lira cria ‘sala VIP’ na Câmara para liberar verbas do orçamento secreto

'Salinha do orçamento secreto' foi aberta por Arthur Lira

‘Salinha do orçamento secreto’ foi aberta por Arthur Lira Paulo Sergio/Câmara dos Deputados – 05.04.2022

Num corredor sem janelas de um prédio anexo à Câmara funciona o mais novo centro de peregrinações de deputados e assessores atraídos por verbas do orçamento secreto. O presidente da Casa, Arthur Lira (Progressistas-AL), abriu, no 2º pavimento, uma sala com equipe destinada a atender a pedidos de emendas voltadas a redutos eleitorais de parlamentares, especialmente da base aliada do Palácio do Planalto. O espaço é chefiado por uma assessora direta do político alagoano.

A “salinha do orçamento secreto” ocupa o número 135 da Ala B do Anexo II, também conhecido como “corredor das comissões”. É nesse prédio que funcionam as comissões de Constituição e Justiça (CCJ), Orçamento e Direitos Humanos, entre outras.

A rotina no espaço foi agitada. Nas tardes de quarta (29) e quinta-feira (30) passadas, a reportagem registrou filas de pessoas à espera de atendimento. Anteontem, o alto movimento contrastava com um Congresso às moscas. Deputados e assessores corriam para liberar as verbas antes do prazo da Lei das Eleições, que determina que os empenhos (autorizações para o pagamento das verbas) devem ser suspensos a partir deste sábado (2).

É consenso entre técnicos de órgãos de controle e especialistas em recursos públicos que o orçamento secreto se constituiu numa modalidade de destinação de verbas sem critérios técnicos ou mesmo vínculos com políticas públicas. A liberação dos recursos não é igualitária entre parlamentares e prioriza interesses eleitorais da base do governo. Sem transparência, o dinheiro escapa de fiscalizações.

Embora o orçamento secreto esteja normalizado no Congresso a ponto de ter sala própria, a existência da emenda está longe de ser unanimidade: tramita no STF (Supremo Tribunal Federal) uma ação que questiona o dispositivo.

Poder

O espaço evidencia o poder de Lira sobre a liberação desse tipo de verba, que soma R$ 16,5 bilhões em 2022. Formalmente destinados pelo relator do Orçamento, o deputado Hugo Leal (PSD-RJ), os recursos, na prática, são alocados com base em uma negociação entre Leal, Lira e os líderes.

O guia de ramais da Câmara registra que há seis servidores da presidência da Casa despachando na “salinha do orçamento secreto”, descrita na publicação como “assessoria do presidente”. Uma delas é Mariângela Fialek, conhecida entre os deputados pelo apelido de Tuca e considerada uma espécie de “gerente” do orçamento secreto.

“Tem 20 pessoas na minha frente, inclusive oito deputados”, dizia ao telefone uma assessora parlamentar anteontem — o deputado para quem ela trabalhava precisou trocar o município beneficiado em uma de suas emendas. Naquele momento, havia sete assessores na fila em frente à porta da sala e outros cinco sentados nas cadeiras da “recepção” da sala. Alguns deputados também foram diretamente ao local — eles têm prioridade em relação a assessores.

‘Período eleitoral’

Anteontem, os deputados Ottaci Nascimento (Solidariedade-RR) e Nelho Bezerra (União Brasil-CE) frequentaram o local. “Na verdade, é por causa do período eleitoral [a visita à sala 135]. Estamos correndo para entrar na campanha com tudo resolvido”, disse Ottaci à reportagem.

Em maio passado, ele foi declarado inelegível pela Justiça Eleitoral por ter distribuído cestas básicas antes da disputa pela prefeitura de Boa Vista. A defesa do deputado recorreu e alegou  tratar-se de uma ação destinada a ajudar pessoas atingidas pela pandemia.

Já Nelho Bezerra destinou emendas para ações de cirurgias de catarata e compra de ambulâncias. Ele ressaltou que os municípios de sua base eleitoral, no interior do Ceará, não têm hospital — por isso a opção pelas ambulâncias. “Porque, pelo menos assim, as pessoas podem ser socorridas para receber atendimento”, disse o deputado.

Estratégia

A “salinha” começou a funcionar em abril, mas o movimento se intensificou nos últimos dias. A liberação de recursos do orçamento secreto foi acelerada após a operação da Polícia Federal que prendeu o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro. Só nos dias 23 e 24 de junho, que se seguiram à prisão, foram liberados R$ 3,2 bilhões.

“O desespero eleitoral leva ao desatino fiscal. As emendas de relator fazem parte do vale-tudo eleitoral. Se as emendas de relator continuarem a ser liberadas da forma com que são executadas no período pré-eleitoral, teremos as eleições mais injustas de toda a história”, disse o economista Gil Castello Branco, fundador da Contas Abertas.

Procurado, Arthur Lira não respondeu. Hugo Leal também não atendeu às tentativas de contato da reportagem. O relator da PEC no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), também não respondeu à reportagem.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Troca na presidência da Caixa e queda do desemprego marcam a semana

O economista Pedro Guimarães pediu demissão da presidência da Caixa Econômica após denúncias de assédio sexual contra ele serem apresentadas no MPF (Ministério Público Federal). Após a revelação do caso, ele afirmou ter vida ‘pautada pela ética’

O Brasil abriu 277.018 vagas de trabalho com carteira assinada em maio, de acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). O quinto resultado positivo consecutivo do mercado formal de trabalho foi fruto de 1.960.960 admissões e de 1.683.942 desligamentos

Outro dado positivo do mercado de trabalho foi divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que mostrou a queda da taxa de desemprego para 9,8% no trimestre finalizado em maio de 2022, percentual que representa 10,6 milhões de profissionais fora da força de trabalho

O indicador responsável pelo reajuste da maioria dos contratos de aluguel vigentes no Brasil voltou a ganhar força após três meses de desaceleração e saltou 0,59% em junho. Com a alta, o índice acumula elevação de 10,7% nos últimos 12 meses, percentual que será usado para reajustar as locações com vencimento no mês de julho

O professor de matemática Matthew Weathers encontrou um jeito curioso de ensinar: ele grava vídeos em que interage com ele mesmo e já soma 1 bilhão de visualizações no YouTube. Weathers é professor de matemática da Biola University, na Califórnia, Estados Unidos. Para ajudar os alunos, ele decidiu gravar vídeos e exibi-los durante as aulas — a graça é que ele interage com ele mesmo. Em algumas gravações, ele usa referências da cultura pop

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) divulgou o edital do Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes) 2022. Avaliação está marcada para o dia 27 de novembro em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. A abertura dos portões, ocorrerá às 12h, o fechamento às 13h. O início da prova está marcado para ocorrer às 13h30, e o termino da prova às 17h30. O Enade avaliará os estudantes concludentes de cursos de bacharelado e superiores de tecnologia vinculados ao ano três do ciclo avaliativo do Sinaes (Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior)

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara aprovou na quarta-feira (29) a convocação do ministro da Educação, Victor Godoy, que deu explicações sobre as denúncias de corrupção e tráfico de influência na pasta ao longo da gestão de Milton Ribeiro. Por se tratar de uma convocação, Godoy foi obrigado a comparecer ao colegiado e falar com os deputados. Caso faltasse sem apresentar justificativa, poderia incorrer em crime de responsabilidade e perder o cargo. Até o momento não foi definida uma data para a audiência com o ministro

Felipe Storch deixou o Acre pela primeira vez em 2010 rumo aos Estados Unidos como parte do programa Jovens Embaixadores. A viagem, como ele define, foi um marco em sua vida. Larissa Moreira viajou pela primeira vez de avião em 2014 com outros estudantes de escolas públicas rumo a Washington e voltou com a certeza de que pode mudar a realidade das escolas brasileiras. O Jovens Embaixadores é uma iniciativa oficial do Departamento de Estado dos EUA e, no Brasil, é coordenado pela embaixada e consulados dos Estados Unidos. O programa, que neste ano completa 20 anos de existência, tem como objetivo mudar a realidade de jovens estudantes da rede pública

O MEC (Ministério da Educação) publicou uma portaria que regulamenta a Avaliação Externa Virtual in Loco, definida como a verificação das condições de oferta de educação superior. O anúncio consta no DOU (Diário Oficial da União) de terça-feira (28).As avaliações on-line têm duração mínima de dois dias. Durante a visita virtual, os avaliadores analisam documentos, entrevistam representantes institucionais e professores, além de realizar a avaliação in loco das instalações físicas da instituição. Toda a apresentação é feita por meio de videoconferência

Giulia odiava ler em voz alta diante da turma na sala de aula. Trocava as letras e gaguejava. Diogo chegou ao 2º ano do ensino fundamental sem saber ler. Nicholas passava os fins de semana estudando e não conseguia uma boa nota. Além de apresentarem dificuldade de aprendizado, todos esses estudantes têm em comum a dislexiaDislexia, discalculia e disgrafia são distúrbios de aprendizagem que só podem ser diagnosticados por um médico. “Para chegar a esse diagnóstico, é preciso excluir as dificuldades que são inerentes ao processo de aprendizagem, problemas pessoais, TDHA (transtorno do déficit de atenção com hiperatividade) ou alguma deficiência intelectual”, explica Marisa Castanho, presidente da ABPp (Associação Brasileira de Psicopedagogia)

A Comissão de Educação (CE) do Senado promoveu na segunda-feira (27) a primeira audiência pública interativa para discutir o ensino domiciliar, o chamado homeschooling. Essa foi a primeira de seis audiências, debates que têm como objetivo discutir o projeto que autoriza esse modelo de educação no país.O PL 1.338/2022, que regulamenta o homeschooling, foi aprovado na Câmara dos Deputados e, se aprovado, altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394, de 1996) e o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069, de 1990). Nessa primeira audiência foi discutido o direito à educação

Matheus Guimarães Montenegro, 20 anos, mora em São Vicente, no litoral de São Paulo. Apaixonado por jogos online, ele foi aprovado em 28 universidades dos Estados Unidos por uma habilidade um tanto diferente — atleta de e-sports (competições de jogos virtuais disputadas por competidores profissionais), é um craque em Fortnite. Diante das opções, ele escolheu estudar na Oklahoma Christian University por ter uma bolsa de 75% para o curso de ciência da computação. Para completar o restante do valor e poder realizar seu sonho, Matheus criou uma vaquinha online com a meta de obter R$ 84.165, para custear o primeiro semestre de estudos, que se inicia já no dia 1º de agosto

As inscrições para o segundo processo seletivo do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) 2022 se iniciaram na terça-feira (28) e encerraram na sexta-feira (1º). O resultado do processo seletivo será divulgado no dia 6 de julho. A matrícula ou registro acadêmico devem ser feitos de 13 a 18 de julho. Já o prazo para os interessados manifestarem interesse em participar da lista de espera será de 6 a 18 de julho

O Canadá Day, organizado pela CCBC (Câmara de Comércio Brasil-Canadá), promoveu um evento imersivo para brasileiros que querem realizar intercâmbio para estudar, morar e trabalhar no país norte-americano. Foram quatro dias de evento e toda a programação foi transmitida no formato on-line. Os participantes tiveram a chance de conhecer, de leste a oeste, todas as possibilidades para migrar e dar um pontapé na vida profissional. A iniciativa contou ainda com palestras exclusivas de empresas parceiras

A polícia de São Paulo descobriu um desmanche de caminhões no interior do estado na quinta-feira (30). Em um galpão em Salesópolis, na região de Mogi das Cruzes, funcionava um espaço utilizado para desmontar e remarcar chassis de caminhões. Foram apreendidos 13 reboques, oito cabines e cinco motores. Nenhum suspeito estava no local quando as equipes da polícia chegaram

O MP-SP (Ministério Público de São Paulo) afirmou que o procurador Demétrius Oliveira de Macedo tem um histórico de problemas com as mulheres em seu ambiente de trabalho. Ele foi preso por espancar sua chefe, a procuradora-geral de Registro, Gabriela Samadello Monteiro, depois de ser denunciado por ter destratado outra funcionária

Um adolescente de 14 anos teve o nariz quebrado em duas partes por um segurança de um shopping na zona norte de São Paulo. A agressão ocorreu na noite de terça-feira (28), no Santana Parque Shopping

Os sete filhotes de cachorro que foram abandonados em uma sacola no banheiro da Estação AACD-Servidor, da Linha 5-Lilás do Metrô, em Indianópolis, zona sul de São Paulo, foram adotados na quinta-feira (30)

Uma mulher matou o próprio pai dentro do apartamento da família em Guarulhos, região metropolitana de São Paulo, por volta das 14h da tarde de terça-feira (28). A vítima, Oscar Yukie Yanagui, de 78 anos, morava com a filha, Lucilene Yukie Yanagui, de 51 anos, em um apartamento

Após audiência no TRT (Tribunal Regional do Trabalho), na tarde da quarta-feira (29) para decidir o dissídio coletivo para motoristas e cobradores, a Justiça decidiu que a greve dos trabalhadores foi abusiva nos dois dias (14 e 29) de paralisação, estabeleceu multa de R$ 100 mil pelo descumprimento da liminar judicial que garantia a frota durante os horários de pico e determinou o retorno imediato da categoria ao trabalho

O Sindmotoristas, sindicato que representa motoristas e cobradores de ônibus da capital paulista, anunciou uma nova greve de ônibus a partir da 0h de quarta-feira (29). A decisão ocorreu depois que uma reunião entre os trabalhadores e o sindicato patronal terminou sem acordo na tarde de terça-feira (28). A paralisação se encerrou na tarde da quarta-feira após determinação da Justiça

Apesar da queda de 6,5% no número de mortes violentas no país, 47.503 foram assassinadas em 2021, de acordo com dados do Anuário de Segurança Pública divulgados na terça-feira (28). Isso significa que 20,4% dos homicídios no planeta ocorreram no Brasil

O número de mortes de pessoas negras decorrentes de ações de policiais aumentou 5,8% entre 2020 e 2021 no Brasil, aponta o Anuário do FBSP (Fórum Brasileiro de Segurança Pública), divulgado na terça-feira (28). Inversamente, a mesma estatística aponta queda de mortes entre a população total (5%) e os brancos – nesse caso, de forma mais acentuada, houve redução de 30,9%

Cerca de 36 mil mulheres são vítimas de perseguição e violência psicológica em todo o país. A 16ª edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e divulgado na terça-feira (28), traz pela primeira vez dados sobre crimes de stalking e violência psicológica. De acordo com o estudo, em 2021 foram registrados 27.722 casos de perseguição e 8.390 de violência psicológica

A defesa do réu Paulo Cupertino solicitou investigação sobre policiais civis e servidores que divulgaram imagens do momento da captura e da câmera de segurança interna das unidades prisionais em que ele ficou detido

Um ano após a morte de Lázaro Barbosa, de 32 anos, a lembrança do matador ainda assombra as regiões rurais das cidades por onde ele passou no Centro-Oeste do país. “A gente não sabe quando outra pessoa completamente psicopata assim pode aparecer e simplesmente ameaçar e matar sua família. As vítimas mortas não eram familiares meus, mas eu moro aqui, as pessoas que eu amo estão aqui, eu tive medo por elas. O trauma vai ficar para sempre”, desabafou um homem que preferiu não ser identificado, morador de Ceilândia, no Distrito Federal, onde Lázaro foi acusado de matar uma família inteira

Gabriel, de 13 anos, e Jhonny, de 27, foram mortos durante uma troca de tiros em Maresias, no litoral norte de São Paulo. De acordo com a família, os dois estavam com alguns parentes e amigos ao redor de uma fogueira em frente à casa onde moravam quando um policial à paisana apareceu atirando

Hospitais da capital e do interior de São Paulo estão com enfermarias infantis e UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) lotadas por causa de um novo aumento nos casos de doenças respiratórias, inclusive a Covid-19. Alguns centros médicos da rede pública já recorreram à central de regulação do estado devido à falta de capacidade para receber novos pacientes. A chegada do inverno e o retorno às aulas presenciais depois da pandemia agravam o quadro. Há também falta de medicamentos nas farmácias

Uma mulher morreu após ser baleada no peito em uma chácara na cidade de Itatiba, no interior de São Paulo, no domingo (26). A vítima, Gleiciane Souza, de 27 anos, dançava com um amigo na festa junina que ocorria no local quando foi atingida pelo disparo

A modelo Nicole Bahls presenteou crianças ribeirinhas com latas de energético em sua passagem pelo Festival de Parintins, no Amazonas, no último fim de semana. A ação repercutiu nas redes sociais, e muitos internautas questionaram sobre a adequação, ou não, da bebida à faixa etária pediátrica. Segundo Nelson Douglas Ejzenbaum, médico pediatra membro da Academia Americana de Pediatria, crianças não devem tomar bebidas energéticas de nenhum tipo

A Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará recebeu a notificação de uma morte e de dois casos suspeitos de síndrome de Haffou, como é popularmente conhecida, “doença da urina preta”. De acordo com o órgão, os casos investigados são na cidade de Óbidos, na zona rural do estado. A síndrome de Haff é uma doença rara e é causada pela ingestão de peixes e crustáceos malconservados

Desde o início da pandemia, em março de 2020, em média duas crianças com menos de 5 anos morreram a cada dia no Brasil vítimas de Covid-19, indica pesquisa divulgada na segunda-feira (27) pelo Icict (Observa Infância, projeto ligado ao Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde) da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz)

Diretor-geral da OMS (Organização Mundial de Saúde), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou na quarta-feira (29) que a varíola do macaco não deve ser minimizada, embora, em reunião recente, o Comitê de Emergência da entidade não tenha aconselhado que ela representa uma emergência de saúde pública de preocupação internacional. Nesse contexto, ele informou que será convocada “rapidamente” nova reunião desse comitê, para reavaliar o quadro

O status da varíola do macaco no Brasil é de transmissão comunitária, o que significa que o vírus já infectou pessoas que não viajaram nem tiveram contato com quem esteve em países onde há surto da doença. Nesse cenário, alguns cuidados devem ser redobrados não só no dia a dia, como também nos serviços de saúde

O número de casos de varíola do macaco no Brasil chega a 37, segundo informações do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro. A secretaria confirmou na quinta-feira (30) o sexto caso no estado. Agora, são cinco ocorrências na capital e uma na cidade de Maricá, no Grande Rio

O Instituto Emílio Ribas, hospital de referência para doenças infectocontagiosas no estado de São Paulo e no país, já enfrenta uma escalada de casos suspeitos de varíola do macaco. A espera pelo exame que detecta a doença, causada pelo vírus monkeypox, chega a cinco horas no local, onde foi diagnosticado o primeiro caso do Brasil

A hérnia de disco é uma lesão que acomete principalmente a área lombar e cervical, e foi o que levou o cantor Wesley Safadão a cancelar sua agenda de shows até o dia 6 de julho e se manter afastado dos palcos. O problema do cantor está localizado na lombar, entre a terceira e a quarta vértebra, e em um estágio onde há compressão dos nervos e estreitamento do canal vertebral

A OMS (Organização Mundial da Saúde) pediu na sexta-feira (1º) a adoção de medidas “urgentes” para conter a propagação da varíola do macaco na Europa, onde os casos triplicaram nas últimas duas semanas. De acordo com os dados mais recentes da agência da ONU, a Europa contabiliza cerca de 4.500 casos de varíola do macaco

Um míssil russo atingiu na última segunda-feira (27) um centro comercial movimentado de Kremenchuk, no centro da Ucrânia, causando mortos e feridos, informaram as autoridades locais, que acrescentaram que o número de vítimas poderia ser muito alto. Mais de 20 pessoas morreram no ataque, segundo fontes ucranianas

Quarenta e seis imigrantes foram encontrados mortos na última segunda-feira (27), a maioria deles dentro de um caminhão na beira de uma rodovia no Texas, disseram autoridades. “No momento, processamos 46 corpos”, disse o chefe dos bombeiros de San Antonio, Charles Hood, a repórteres. Ele informou que 16 pessoas — 12 adultos e quatro crianças — foram levadas ao hospital vivas e conscientes

A Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) vai “convidar” Suécia e Finlândia a fazer parte da aliança militar depois que a Turquia suspendeu seu bloqueio à adesão dos dois países, anunciou na última terça-feira (28), em Madri, o secretário-geral Jens Stoltenberg

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, não teria ordenado a invasão da Ucrânia se fosse uma mulher, afirmou o primeiro-ministro britânico Boris Johnson, que acredita que o mundo seria melhor com mais mulheres no poder. “Se Putin fosse uma mulher, o que obviamente não é, eu realmente não acredito que ele teria iniciado esta guerra maluca de homens, de invasão e violência da maneira que ele fez”, disse ele ao canal alemão ZDF. O início desta guerra é um “exemplo perfeito de masculinidade tóxica”, acrescentou

Após se tornar piada de líderes do G7, durante a cúpula do grupo na Alemanha, o presidente russo Vladimir Putin disse que eles ficariam “nojentos” sem camisa. A chacota começou depois que Putin apareceu em fotos com o peito nu em um passeio ao ar livre

A Rússia atacou com mísseis uma região perto da cidade portuária ucraniana de Odessa, no mar Negro, na última sexta-feira (1º), atingindo um prédio de apartamentos e um resort. A ação matou pelo menos 20 pessoas e deixou 38 feridos, disseram autoridades ucranianas, horas depois que tropas russas foram expulsas da Ilha das Serpentes, que fica nas proximidades

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Quais os benefícios da MP dos Cartórios Digitais?

Flaviano Galhardo, Rogério Caiuby e Arthur Jahn Sturzbecer

Flaviano Galhardo, Rogério Caiuby e Arthur Jahn Sturzbecer Divulgação

Os cartórios vêm trabalhando para disponibilizarem todos os seus serviços de forma online à população do país desde o início dos anos 2.000, porém, o que muda com a aprovação da MP dos Cartórios você vai saber no Estúdio News deste sábado (02).

Rogério Caiuby, conselheiro Executivo do Movimento Brasil Competitivo (MBC), fala sobre o desafio de se fazer negócio no Brasil e afirma a importância da digitalização dos serviços públicos para a economia.

“Os principais aspectos que nos colocam em uma posição inferior aos países da OCDE são dois pontos, um deles é a baixa efetividade, o outro é limitado a digitalização dos serviços públicos, exatamente esse ponto que acho que a MP dos Cartórios vem a contribuir para que esse gap, essa defasagem, essa dificuldade de fazer negócio no Brasil seja diminuída e que a gente tenha uma economia ainda mais competitiva”, destaca Caiuby.

Arthur Jahn Sturzbecer, sócio fundador da Pencillabs, diz que a expectativa é de que até o início de 2023 já se tenha uma base de acesso aos registros online e quando questionado se há risco de invasão de hackers, possíveis ataques e tentativas de fraude na era digital, afirma que o problema de crimes digitais é crítico, sendo talvez a maior questão dos cartórios digitais.

“Grande parte dos cartórios já tem esse trabalho de digitalização, isso já é feito há bastante tempo. Tenho certeza que grandes esforços estão sendo feito para que isso consiga ser realizado em um tempo curto, a expectativa é de que até o começo do próximo ano já tenhamos uma base minimamente de acesso a esses registros online.

Temos que tomar um cuidado maior no processo de definição das estratégias de segurança e também na conscientização da população em relação ao uso desses sistemas, os meios digitais que devem ser utilizados, quais precauções as pessoas devem tomar para poder se proteger”, ressalta Arthur.

E Flaviano Galhardo, presidente da Associação de Registradores de Imóveis de São Paulo (Arisp) e do Registro de Imóveis do Brasil (RIB), explica de quem é a responsabilidade pela guarda e conservação dos dados – “isso não está sendo mudado com a MP 1.085/2021. Cada uma das unidades, cada uma das delegações, tanto de registro de imóveis, quanto de registro civil, quanto de títulos e documentos, continua sendo responsável pela guarda e conservação desses dados”.

O Estúdio News vai ao ar aos sábados, às 22h15. A Record News é sintonizada pelos canais de TV fechada 55 Vivo TV, 78 Net, 32 Oi TV, 14 Claro, 19 Sky e 134 GVT, além do canal 42.1 em São Paulo e demais canais da TV aberta em todo o Brasil.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Entregadores sofrem com violência, preconceito e baixos salários

Entregadores sofrem com violência, preconceito e baixos salários

O número de entregadores de moto no Brasil cresceu mais de 1.000% nos últimos cinco anos. Segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, há mais de 1,5 milhão de trabalhadores atuando em todo o país. Somente na Região Metropolitana de São Paulo, são 300 mil que normalmente trabalham na informalidade e cumprem uma jornada de mais de 12 horas por dia para sustentar a família. Além disso, muitos deles sofrem com a violência, preconceito e salários baixos.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

‘Anjos da Madrugada’ ampliam distribuição de comida e roupas após aumento da população de rua

Escalada da população de rua motivou aumento do programa social Anjos da Madrugada

Escalada da população de rua motivou aumento do programa social Anjos da Madrugada Divulgação/Universal

O inverno teve início na última terça-feira (21), e, com a nova estação, cresce possibilidade da chegada de novas ondas de frio intenso. Assim, o programa social Anjos da Madrugada, da Universal, intensificará o trabalho realizado semanalmente junto a pessoas em situação de rua. Nas ações desta terça-feira (28), serão distribuídos cobertores, agasalhos, luvas, meias e toucas em 2.320 municípios brasileiros.

O número de pessoas em situação de rua cresceu cerca de 16% entre dezembro de 2021 e maio deste ano, segundo dados do Observatório Brasileiro de Políticas Públicas com a População em Situação de Rua (POLOS-UFMG). De acordo com cadastros do CadÚnico, 158 mil pessoas estavam vivendo nas ruas em dezembro do ano passado. Já em maio deste ano, o número aumentou para 184 mil.

Serão cerca de 28 mil voluntários do Anjos da Madrugada envolvidos na organização dos eventos desta noite. Todas as terças-feiras, eles saem pelas ruas para levar amparo social aos mais desfavorecidos.

Além dos cobertores e peças de roupas, também haverá a distribuição de refeições e kits de higiene. A estimativa é ajudar aproximadamente 80 mil pessoas em todo Brasil. Para o advogado e voluntário Thomas Marçal Koppe, o programa social tem se mostrado “um trabalho diferenciado e extremamente importante para auxiliar a população em situação de rua. Muitas destas pessoas sofrem com graves problemas, tais como a fome, doenças, vícios e depressão”.

“Além de proporcionar uma assistência física com alimentos, roupas e cobertores, o grupo ainda proporciona apoio emocional para que estas pessoas possam enfrentar e vencer a grave situação que estão vivendo”, ressalta Thomas.

 

 

Amparo social em São Paulo

Cerca de 80 mil pessoas receberão roupas e alimentos de programa social da Universal

Cerca de 80 mil pessoas receberão roupas e alimentos de programa social da Universal Divulgação/Universal

 

 

 

Nesta terça-feira (28), os voluntários do Anjos da Madrugada realizarão uma ação na Praça Lauro Michels, em Diadema (SP). Serão entregues cobertores, luvas, meias e marmitas. Também será oferecido corte de cabelo, aferição de pressão e atendimento jurídico.

De janeiro a maio de 2022, mais de 5 mil pessoas foram viver nas ruas da capital paulista, segundo o levantamento feito pelo POLOS-UFMG.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Presidenciáveis adiam escolha de vice e priorizam fortalecer o próprio nome

Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet: pré-candidatos à Presidência em 2022

Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet: pré-candidatos à Presidência em 2022 Montagem

A corrida eleitoral à Presidência da República já tem os principais nomes definidos, mas quase todos os pré-candidatos anunciados até agora ainda não escolheram quem vão ter de vice nas chapas. Como o registro oficial deve ser feito ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) somente em 15 de agosto, os presidenciáveis querem aproveitar esse tempo para consolidar os próprios nomes. A escolha do vice, na avaliação da maioria, é preocupação para um momento posterior.

A única exceção até o momento é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que lançou chapa com o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin. Ambos apresentaram o plano de governo e têm feito viagens ao longo do país.

O presidente Jair Bolsonaro (PL), que chegou a sinalizar o ex-ministro da Defesa Walter Braga Netto como vice, recuou no anúncio. A equipe que coordena a pré-campanha dele entende que o chefe do Executivo precisa conquistar mais votos do eleitorado feminino e, por isso, os nomes de duas ex-ministras do governo surgiram como alternativas. Tereza Cristina tem a preferência no momento, mas Damares Alves também é cogitada pelo presidente.

Os demais pré-candidatos, que aparecem longe de Lula e Bolsonaro nas pesquisas eleitorais, ainda não tratam a escolha do vice com prioridade. Justamente por terem intenções de voto baixas, os presidenciáveis acreditam que precisam aumentar a popularidade antes de qualquer outra decisão.

Presidente do PDT, que tem Ciro Gomes como pré-candidato, Carlos Lupi diz que o partido ainda busca alianças com outras siglas. Segundo ele, a legenda conversa com União Brasil e PSD para tentar encorpar a chapa de Ciro. “O diálogo está aberto. O importante é encontrar um vice que não atrapalhe”, opina.

Para Lupi, Ciro tem conseguido um bom desempenho, visto que tem aparecido sempre na terceira colocação nas pesquisas eleitorais. “Nós estamos conseguindo resistir. Estamos há um ano no processo de discussão de processo eleitoral. Já vimos passar João Doria, Eduardo Leite e Sergio Moro, e nós estamos aqui. Estamos resistindo. O desafio é crescer para ir para o segundo turno”, avalia.

Bivar não abre mão de concorrer

Apesar do interesse do PDT em se aliar ao União Brasil, o partido ainda quer concorrer ao pleito com Luciano Bivar, deputado federal e presidente nacional da agremiação. O político cogita duas mulheres do próprio partido como vice: a senadora Soraya Thronicke e a mulher de Moro, Rosângela Moro.

“Essa é uma decisão que precisamos resolver mais para a frente, mas são duas mulheres qualificadíssimas e que contam com o respaldo da executiva nacional do partido”, afirma Bivar.

De acordo com ele, o nome de Rosângela passou a ser cogitado em razão da popularidade que ela trouxe ao partido desde a filiação, em março. No entanto, Bivar diz que outros membros do União Brasil não estão descartados, nem mesmo Moro. Além disso, ele não descarta alianças.

“O partido tem quadros e pessoas muito interessantes. Ainda estamos abertos para fazer coligação com outros partidos. O fato é que o União Brasil tem luz própria e quadros próprios, mas qualquer partido que seja democrático e que se identifique com o nosso plano económico é bem-vindo”, afirma.

De todo modo, ele reconhece a importância de fortalecer o próprio nome. “Estamos com uma campanha crescente, que começou a militar nos estados por agora. Vamos passar a mostrar o nosso nome ao eleitorado. Estamos confiantes, pois mais de 50% ainda não escolheram o seu candidato. O importante é chegar nessas pessoas.”

Coligação de Tebet busca mais eleitores

Pré-candidata de uma coligação composta por MDB, PSDB e Cidadania, a senadora Simone Tebet (MDB) também trata a escolha do vice em segundo plano. Presidente do Cidadania, Roberto Freire frisa que é mais importante confirmar a candidatura da parlamentar antes de pensar em quem vai completar a chapa.

“Quando chegar no momento apropriado, nós vamos discutir sobre o vice. Pelo que temos sentido, o trabalho de Tebet tem sido muito bom. Ela tem grandes perspectivas de crescer naqueles eleitores que querem superar esse clima de polarização. E é disso que precisamos cuidar agora, visto que a sociedade já percebeu que quer um caminho diferente para o país”, pontua.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Metaverso é usado em campanhas políticas pela primeira vez no Brasil

Pessoas participando de um concerto pelo metaverso com óculos de realidade virtual

Pessoas participando de um concerto pelo metaverso com óculos de realidade virtual Yonhap/EFE/EPA – 05.01.2022

O uso de redes sociais tornou-se parte importante das campanhas eleitorais. Uma nova forma de usar as ferramentas virtuais é o metaverso, ambiente que amplia as possibilidades das campanhas, aproxima eleitores e candidatos e já tem sido usado por pré-candidatos a diferentes cargos no pleito deste ano.

Definido pelo Facebook como “o próximo passo na jornada de conexões sociais”, ele pode ser explicado como um ambiente que mescla realidade aumentada e ambiente virtual. O professor da UnB e especialista em tecnologia Vandor Roberto Vilardi Rissoli explica que o metaverso pode ser considerado uma “realidade paralela”.

“É um conjunto de softwares em que você não tem uma empresa proprietária, um ambiente virtual bastante usado em tecnologia, onde as pessoas vão se cadastrar, criar o perfil, o avatar e começar a interagir, a participar, a pertencer a esse ambiente paralelo”, diz.

Uma das formas de uso do metaverso vem da educação. Alunos de medicina com óculos de realidade virtual, por exemplo, poderiam visualizar uma sala de aula, com o avatar de todos os estudantes e do professor e a representação de um coração real, em três dimensões. “A perspectiva não é só do campo político. Esse ambiente cada vez mais vai estar simulando e representando a realidade que a gente tem no nosso cotidiano”, diz Vandor.

O uso das ferramentas virtuais, de modo geral, pode atrair uma relevante participação de jovens eleitores. Campanhas que incentivaram o público entre 16 e 18 anos a tirar o título de eleitor proporcionaram um recorde nessa faixa etária. Entre janeiro e abril de 2022, o país ganhou 2.042.817 novos eleitores dessas idades, um aumento de 47,2% em relação ao mesmo período de 2018 e de 57,4% em relação ao mesmo período de 2014.

Embora o metaverso deva chamar atenção, ele não tem, na avaliação de especialistas, potencial para ser um fator de grande impacto para o pleito. Segundo a pesquisa sobre o uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nos Domicílios brasileiros (TIC Domicílios) 2021, divulgada neste mês, o Brasil ainda é um país com 35,5 milhões de pessoas sem acesso à internet. A porcentagem de domicílios com acesso à rede caiu entre 2020 e 2021 entre a população das classes B, C e D/E.

Fiscalização

Como em todo o processo eleitoral, há uma série de regras que devem ser cumpridas em ações de candidatos, independentemente de o ambiente ser físico ou virtual. O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) esclareceu ao R7 que possíveis infrações cometidas no metaverso podem ser avaliadas, desde que os casos sejam levados ao TSE por meio de representação proposta pelas partes legitimadas, como Ministério Público, candidatos, partidos políticos, coligações e federações.

“Cabe acrescentar que cidadãs e cidadãos podem atuar como fiscais de infrações praticadas durante a campanha eleitoral. É possível denunciar condutas irregulares por meio do aplicativo Pardal, disponível na Google Play e na Apple Store. As denúncias são encaminhadas ao Ministério Público Eleitoral (MPE) para apuração e poderão embasar representações movidas pelo órgão contra os infratores”, informa o TSE.

Há também o Sistema de Alerta de Desinformação, plataforma em que eleitores podem denunciar quaisquer práticas relacionadas à desinformação, como o recebimento de notícias falsas, descontextualizadas ou manipuladas sobre o processo eleitoral brasileiro.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/