Bahia: Pastor é acusado de assassinar pastora e sobrinha em Vitória da Conquista (BA)

Bahia: Pastor é acusado de assassinar pastora e sobrinha em Vitória da Conquista (BA)

Segundo a polícia, crime foi motivado por vingança

 

Um pastor está foragido da polícia acusado de ser o mandante e participar do assassinato de duas mulheres na cidade de Vitória da Conquista, nesta quarta-feira (20). De acordo com a polícia, o pastor Edimar Santos Brito planejou e executou, com ajuda de mais dois comparsas, as mortes da pastora Macilene Sampaio e de sua sobrinha, Ana. A suspeita é de que o crime foi motivado por vingança.

O pastor teria ficado irritado quando Macilene e seu marido decidiram fundar uma nova igreja, levando assim grande parte dos fiéis da antiga igreja e causando a fúria do assassino. Edimar teria seguido as vítimas até um sítio e aproveitou quando o veículo em que a pastora estava com o marido e a sobrinha parou para cometer o crime. Os corpos das duas mulheres foram encontrados com sinais de violência em uma estrada próxima a Barra do Choça. O marido de Macilene conseguiu fugir após ser espancado.

edimar

Pastor Edimar, acusado de planejar e executar os assassinatos, está foragido (Foto: Reprodução/Blog Rodrigo Ferraz)

Dois suspeitos de participação nos assassinatos já estão presos: Fábio de Jesus Santos e Adriano Silva Santos. O pastor Edimar continua foragido.

Fonte/ Varela Noticias