Cerca de 400 pássaros são resgatados após serem transportados irregularmente em bagageiro de ônibus na Bahia

Cerca de 400 pássaros são resgatados após serem transportados irregularmente em bagageiro de ônibus na Bahia

Animais foram capturados no interior de São Paulo e seriam vendidos a R$ 35 (cada um) em uma feira livre na cidade de Feira de Santana

Foto: Divulgação/PRF

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) resgatou, durante fiscalização, cerca de 400 pássaros em um bagageiro de um ônibus na BR-116, no trecho da cidade de Jequié, no sudoeste da Bahia. As aves eram transportadas de forma irregular e sem autorização.

De acordo com a PRF, os animais, aproximadamente 200 Pintassilgos (Cardueles carduelis) e 200 Coleiros (Sporophila caerulescens), estavam extremamente debilitados e eram transportados amontoados em quatro gaiolas, sendo que cerca de 30 animais já estavam sem vida.

Um homem de 54 anos foi identificado como proprietário dos animais. Ele disse à polícia que capturou os pássaros nas cidades paulistas de Ibiúna e Caucaia do Alto, com redes e armadilhas. Ele ainda disse que venderia os animais em feira livre na cidade de Feira de Santana, na Bahia, e que cada animal custaria em média R$ 35.

Após o flagrante, os agentes federais lavraram Termo de Constatação Ocorrência (TCO) contra o homem em razão dos seguintes delitos: matar, perseguir, caçar, apanhar, vender espécimes da fauna silvestre e praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais da Lei Ambiental.

Os animais resgatados foram encaminhados para o INEMA da cidade de Jequié. A fiscalização ocorreu no final da tarde de quinta-feira (5). Já o homem flagrado com os animais foi liberado após TCO.

Com informações Varela Noticias

Da redação Capimgrosso.com.br