Empresário denuncia prefeito e um assessor parlamentar da ALBA ao MP por fraude na realização do São João de Tanquinho


Empresário denuncia prefeito e um assessor parlamentar da ALBA ao MP por fraude na realização do São João de Tanquinho

Publicado por Osvaldo Cruz

O empresário José Augusto Souza Cerqueira, denunciou ao Ministério Publico Estadual, em Feira de Santana,  no ultimo dia 22/06, o prefeito da cidade de Tanquinho/Ba e um assessor parlamentar da Assembleia Legislativa da Bahia, por montar esquema na grade da festa de São João no município.

Segundo o denunciante e conforme documento protocolado no MP, a grade que indicou as bandas que se apresentaram durante a festa de São João no Município de Tanquinho, foi montada pelo assessor parlamentar de nome Eliel, que supostamente seria assessor de um  deputado estadual.

Na denuncia, foi apresentado um áudio, onde um suposto  diretor de eventos da cidade de Tanquinho, confirma que nem ele e nem a secretária de cultura tiveram envolvimento na formação da grade musical e que a montagem da grade com as bandas, teria sido montada pelo assessor parlamentar de nome Eliel e que nem o prefeito teria se envolvido na contratação que tudo teria vindo da produtora Elite Produções.

O diretor confirma ainda, que três deputados estaduais  indicaram verbas para o município realizar a festa do São João, sendo: Carlos Geilson  120.000,00 (cento e vinte mil reais), Tom 40.000,00 (quarenta mil reais), Zé Neto  20.000,00 (vinte mil reais), e que por indicar mais, Geilson seria o padrinho da festa.  O assessor Eliel foi quem realizou a grade indicando as bandas para contratação.

O prefeito teria contratado os artistas indicado por um assessor parlamentar ligado a um deputado que teria indicado maior verba de emenda parlamentar e a secretária e o diretor de eventos, teriam apenas assinado, mas, sem participar da escolha dos artistas que tocaram durante o São João.

No relato, apresentado ao ministério público, o denunciante ainda cita que o mesmo esquema foi montado na cidade São Gonçalo dos Campos. O autor da denuncia, Augusto Souza Cerqueira, aguarda providências do Ministério Público pela gravidade da denuncia apresentada.

 

 

Fotos: whatsapp

Fonte/ Rota da Informação