Ex-pastor e mais 11 pessoas seqüestraram cabeleireira no Costa Azul

002

 

Duas pessoas foram presas e mais 10 pessoas identificadas no crime de seqüestro contra a cabeleireira Arlethe Patez, no bairro do Costa Azul. Após um trabalho de investigação de 10 dias, as equipes do delegado Jorge Figueiredo, do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco), e o delegado Leandro Pimenta, da Coordenação de Seqüestro, os policiais chegaram a libertação da vítima. Entre os bandidos, está um ex-pastor evangélico, que dirigiu o carro durante o seqüestro.

 

 

Boa parte da quadrilha é da região de Valença. Os bandidos queriam como resgate R$ 600. Eles fizeram quatro contatos com familiares e ofereceram já no primeiro dia uma prova de vida, que foi um cartão de memória com fotos da cabeleireira.

 

 

Os líderes da quadrilha foram identificados como: Manoel dos Santos Neto, 36 anos, vulgo Dam; Manoel Rafael Bispo de Jesus, 39 anos, vulgo Jorge Bocão; Manoel Cândido Da Paz, 46 anos, vulgo Pastor.

 

Durante entrevista,  Pastor negou fazer parte do grupo e também a participação no crime. “No meio da estrada eu passei mal e não quis mais dirigir o carro. Eu não falei nada a ninguém porque tenho família. Só recebi prejuízo e vergonha “.

 

A Polícia investiga quem teria indicado a vítima. Outros envolvidos estão sendo buscados pelos policiais.

Fonte/ bocao news.com