Ribeira: Morre cobrador queimado durante ataque a ônibus

003

Crueldade. O cobrador da empresa Praia Grande, Everaldo de Oliveira Silva, que sofreu graves queimaduras durante um ataque a um ônibus na Ribeira, em Salvador, no início deste mês, morreu na madrugada deste domingo, dia 19.

 Everaldo ficou internado no Hospital Teresa de Liseux, depois que passou por uma cirurgia de reconstrução de tecidos no Hospital Geral do Estado (HGE). Na época, a Secretaria de Saúde da Bahia informou que ele deu entrada no HGE com queimaduras de 1° e 2° grau no lado esquerdo do corpo, sendo no braço e perna, além de ombro direito e face direita.
De acordo com o motorista do ônibus incendiado, pelo menos dez marginais invadiram o veículo e pediram para as pessoas descerem, mas o cobrador não conseguiu sair a tempo e foi atingido pelas chamas. A vítima contou à família que demorou para sair do ônibus porque precisou voltar para pegar a carteira e o celular. Ninguém foi preso até o momento.
Duas pessoas suspeitas de terem ateado fogo no coletivo foram conduzidas pela Polícia Militar para a 3ª delegacia, do Bonfim. Segundo a PM, o motorista do ônibus não os reconheceu como autores da ação.
Foto: Reprodução . Fonte Adelson Carvalho