Vereador de Ilhéus tem segundo pedido de soltura negado pelo TJ-BA

Vereador de Ilhéus tem segundo pedido de soltura negado pelo TJ-BA

Preso em março na Operação Citrus, o vereador licenciado de Ilhéus, Jamil Chagouri Oké, que também foi secretário de Desenvolvimento Social do município, teve seu segundo pedido de soltura negado pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

 

O desembargador Abelardo Paulo da Matta Neto, da Primeira Câmara Criminal da 2ª Turma do TJ, foi o autor da negativa. Jamil foi preso junto a outras seis pessoas sob suspeita de fraudes em licitações da prefeitura de Ilhéus. O primeiro pedido de soltura foi recusado em 27 de março.

Fonte/ Bocão News