Brasil: Chico Buarque não aceita pedido de desculpas e diz que vai continuar processando jornalista

Brasil: Chico Buarque não aceita pedido de desculpas e diz que vai continuar processando jornalista

O conflito teve início depois que o jornalista comentou em uma foto compartilhada por Silvia Buarque, filha do cantor, nas redes sociais

chico-buarque

Reprodução: Facebook

A assessoria de imprensa de Chico Buarque informou que ele não aceita as desculpas do jornalista João Pedrosa e, assim, seguirá com a ação judicial contra ele. Além disso, o cantor e compositor pedirá que, caso o jornalista João Pedrosa seja condenado por chamá-lo de “ladrão”, a sentença seja publicada em jornais de grande circulação e na internet, de acordo com informações da colunista Monica Bêrgamo. “É para servir de exemplo”, diz o advogado do cantor, João Tancredo.

Em recente post no Instagram da filha de Chico, Silvia Buarque, com uma foto da família, Pedrosa escreveu nos comentários: “Família de canalhas!!! Que orgulho de ser ladrão”. Após o anúncio do processo, Pedrosa escreveu uma carta dizendo que estava arrependido.

Veja a carta  com o pedido de desculpas de Pedrosa na íntegra:

 

“Carta a Chico Buarque e família,

Estou escrevendo essa carta para me desculpar, se isso for possível. Eu errei e me excedi ao insultar a sua família. Infelizmente a política brasileira nos colocou em campos opostos, assim como acontece com toda a nação.

Quero crer que nós queremos a mesma coisa para os brasileiros por vias opostas, uma vida digna e próspera. A sua via é o socialismo, e a minha, o capitalismo. Desde a eleição da presidente, o Brasil entrou numa espiral negativa de ódio de classes, racial e política, que mergulhou o Brasil num caminho de decadência econômica, moral e social inegáveis, que eu acredito tragicamente irreversíveis, foi isso que motivou o meu ódio, e o meu comentário errado e infeliz.

O meu insulto foi motivado por sua associação ao PT e ao MST, são eles que eu considero ameaça à nossa dignidade e nossa democracia. Fui motivado pelas mulheres que estão dando à luz nas calçadas, aos velhos sem atendimento nos chãos dos hospitais, e principalmente, aos milhões de pais de famílias impedidos de darem pão e dignidade às suas famílias e vidas, enquanto os políticos patrocinam copas e olimpíadas, e o enriquecimento, e poder pessoal deles.

Espero que acredite que o meu arrependimento é sincero, e eu afirmo que é, mas também são extremos a minha revolta e indignação com o nosso momento atual, foi isso que motivou o meu erro. Sem mais, sinceramente,

João Pedrosa”

Fonte/ Varela Noticias