Casas dos pais do pastor  Célio Pedrosa  da Igreja Batista Nova Jerusalém  em Capim Grosso são atingidas  com rompimento da barragem  do  feijão

 Casas dos pais do pastor  Célio Pedrosa  da Igreja Batista Nova Jerusalém  em Capim Grosso são atingidas  com rompimento da barragem  do  feijão

O grave acidente ambiental registrado no início da tarde desta sexta-feira, 25, envolvendo uma barragem da mineradora Vale que se rompeu em Brumadinho, Região Metropolitana de Belo Horizonte, de acordo com informações da imprensa nacional provocou grande destruição e cerca de 200 pessoas desaparecidas.

Entre as casas que foram atingidas estão a dos pais do pastor Célio Pedrosa, da IBNJ – Igreja Batista Nova Jerusalém – em Capim Grosso, que passa férias na localidade rural.

Às 13:55min o pastor informou aos seus liderados sobre a tragédia em mensagem publicada no grupo de WhatsApp da Igreja: “Amados orem por nós, uma grande tragédia acabou de acontecer, uma barragem próxima a casa de meus pais acabou de romper, descendo um mar de lama, destruiu parte da nossa casa, e levou vizinhos nossos na lama.

Minha família está bem, somente muito abalados e minha mãe desmaiando pelo susto. Ainda tudo muito confuso e destruição por todos os lados”.

Às 17:05min o pastor postou novas informações: “Irmãos a área que circulei é a casa de meus pais. Aí mostra uma completamente destruída e a outra que destruiu por parte está coberta por árvores”.

Sobre o acidente, a Vale informou que o rompimento ocorreu no início da tarde de hoje, na Mina Córrego do Feijão; uma barragem rompeu e fez outra transbordar. Um mar de lama destruiu casas da região. Rejeitos atingiram a área administrativa da companhia e parte da comunidade da Vila Ferteco.

Ainda sobre o fato, o governo montou gabinete de crise, e 3 ministros estão a caminho; Bolsonaro irá sobrevoar o local no sábado.

Texto: Arnaldo Silva– com informações do G1 e Pastor Célio Pedrosa.

Com informações Reporter Bahia