Chimbinha não comparece a show da Banda Calypso no Tocantins

img_20150920_031824743

A Banda Calypso se apresentou na noite deste último sábado, dia 19, em Palmas, no Tocantins. A banda subiu ao palco sem a presença do guitarrista Chimbinha. Em nota a assessoria do músico informou que ele não poderia se apresentar porque não conseguiu se deslocar para  a cidade em tempo hábil. Os motivos seriam questões de logística e compromissos pessoais já assumidos em Belém (PA). O substituto, Ian Marinho, foi apresentado ao público da capital.

Durante a apresentação da música “Objeto de Desejo”, Joelma fez mais uma declaração polêmica. “A galera apronta, apronta, depois a verdade vem à tona. Aí é cruel. Se não fosse assim, Deus não seria justo”, disse.

A cantora recebeu a imprensa no seu camarim antes da apresentação, mas se recusou a dar declarações. Apenas fotos puderam ser tiradas e imagens gravadas sem áudio. Ainda no início do show, Joelma havia dito que a noite não seria para chorar “Hoje é dia de festa. Chorar nunca mais, só se for alegria.” Durante a canção “Unção sem limites”, da cantora gospel Ludmila Ferber, a vocalista se emocionou e contou com a apoio da plateia, que gritava para ela não chorar.

Durante o show,  a cantora apresentou ao público de Palmas o guitarrista substituto, Ian Marinho. “Espero que essa parceria dure muito tempo”. O músico declarou que não sabe sobre o futuro com a banda, mas disse que está feliz “Isso não depende de mim. É uma responsabilidade muito grande substituir o Chimbinha, mas o público tem sido receptivo.”

Fonte/ Adelson carvalho