Deputada cearense protesta contra a ideologia de gênero em escola

Deputada cearense protesta contra a ideologia de gênero em escola

Livro que aborda questão de gênero foi adotado por escola no Ceará

 

 

 

por Cris Beloni

Deputada Dra. Silvana (Foto: Paulo Rocha)

A deputada Silvana Oliveira de Souza (PR) criticou, durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, na última quarta-feira, a utilização do livro paradidático “Cultura de Paz – Aprendizagem Sócio Emocional” por alunos da rede de ensino municipal de Juazeiro do Norte.

A parlamentar, que também é médica, tem como foco em sua atuação política defender a inviolabilidade de princípios divinos, como “a família da forma original da sua instituição” além de lutar pela “defesa da vida”.

 

O protesto aconteceu, segundo ela, porque a obra abordaria a chamada ideologia de gênero. “Em uma das páginas, as crianças aprendem que gênero não é definido pelo corpo que as pessoas têm. Há vários jeitos de ser menino, de ser menina e de não ser nem um nem outro”, disse.

De acordo com a doutora, a adoção desse tipo de material fere os planos municipal, de Juazeiro do Norte, e estadual de educação.

 

A deputada informou que recebeu a denúncia dos pais, e sugeriu que quem se sentisse afrontado com a situação fosse à Justiça cobrar indenização. Ela chamou o prefeito Arnon Bezerra de “criminoso”, e cobrou a punição dele.

A parlamentar acrescentou que vai trabalhar junto com o marido, o deputado federal eleito Dr. Jaziel (PR), para complementar a legislação acerca do tema.

“Como fere os planos de educação do Estado e do município, a punição para o gestor já está prevista, mas a lei não especifica que tipo. Mas vamos pressionar o Ministério Público para que apure o caso”, defendeu.

O deputado Ely Aguiar (PSDC), em aparte, afirmou que a Assembleia Legislativa está ativa no combate à “ideologia de gênero”, e lamentou que essas ideias ainda sejam aplicadas nas escolas.

“Cada um pode ser o que quiser quando adulto, mas não devemos impor esse tipo de coisa às crianças. A criança vai ser o que ensinarmos a elas. A ideologia de gênero destrói a família, a instituição mais importante da nossa sociedade”, concluiu.

Com informações Gospel Prime