SP diz que falhas do Ministério da Saúde impedem saber o que ocorre com gripe no país

MÔNICA BERGAMO

A secretaria estadual de Saúde de São Paulo pediu que o Ministério da Saúde se manifeste quanto ao cenário da gripe no Brasil após o aumento de casos de influenza no Rio de Janeiro. Segundo a pasta, não é possível realizar análises epidemiológicas devido às falhas nos sistemas federais de notificação de doenças respiratórias.

O pedido foi feito por meio de ofício enviado ao governo federal nesta terça-feira (14). Desde o dia 9 de dezembro, os sistemas de informação federais estão indisponíveis, incluindo SIVEP Gripe, onde são notificados os casos de Srag (Síndrome Respiratória Aguda Grave) e também de Covid-19. A falha impossibilita a atualização e o monitoramento das estatísticas estaduais.

Segundo dados preliminares de Srag disponíveis no sistema, houve 665 casos e 50 mortes por influenza até o dia 10 deste mês -ante 713 infectados e 54 óbitos no ano passado.

O vírus influenza A H3N2, o mesmo associado à epidemia de gripe no estado vizinho, está circulando na capital paulista e já provocou aumento de atendimentos nos prontos-socorros e internações em hospitais públicos e privados.

O post SP diz que falhas do Ministério da Saúde impedem saber o que ocorre com gripe no país apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Créditos desta matéria – noticias.r7.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.