Temer minimiza onda de protestos e sugere que manifestantes arrumem empregos

Temer minimiza onda de protestos e sugere que manifestantes arrumem empregos

96c0019dd7

Os manifestantes protestavam contra a sanção de projeto que legaliza a contratação de pessoas jurídicas para a prestação de alguns serviços

Os protestos sindicais que vêm sendo realizados durante esta semana, foram rebatidos pelo presidente da República, Michel Temer. Nesta quinta-feira (27), o peemedebista afirmou, durante discurso no Planalto que os manifestantes que protestavam com vuvuzelas, na verdade estavam aplaudindo o “grande momento do Governo Federal”.

“Neste auditório, ouvimos palavras de incentivo e aplausos entusiasmados. E eu verifico que, lá fora, aqueles que não puderam entrar, para comemorar esse grande ato do governo, com suas vuvuzelas também aplaudem este grande momento”, disse.

 

Temer pediu aos empresário presentes na solenidade que oferecessem empregos aos manifestantes que estão desempregados. “Quem sabe, quando os senhores saírem, convidam aqueles que estão lá fora. Se não têm emprego, quem sabe arruma emprego. Acho que é uma fórmula muito adequada”, disse o presidente.

Os manifestantes protestavam contra a sanção de projeto que legaliza a contratação de pessoas jurídicas para a prestação de serviços como os de cabeleireiros, barbeiros e manicures.

Fonte/ Varela Noticias