Uso do celular aumenta em até 400% o risco de acidentes no trânsito; Salvador tem 82 infrações diárias

cel1-550x320

Até julho de 2015, Transalvador registrou 17.377 ocorrências relacionados ao uso de celular

 

O número de acidentes provocados por motoristas que dirigem e usam o celular cresce a cada dia no Brasil e no mundo. Dados da Superintendência de trânsito e Transporte de Salvador (Transalvador) aponta que, somente em 2015, a média do número de condutores flagrados cometendo a infração entre os meses de janeiro e julho é de aproximadamente 87 por dia. Até o mês de julho, 17.377 ocorrências foram registradas.  Apesar de ocupar a quinta colocação no ranking de infrações da Transalvador, os dados preocupam devido os riscos causados pela irregularidade.

Recentes pesquisas realizadas em todo o mundo já apontam o uso do celular como um dos principais causadores de acidentes de trânsito. Um estudo realizado pelo Departamento de Trânsito dos Estados Unidos, por exemplo, revela que o uso do dispositivo móvel ao volante aumenta em 400% o risco de acidente. O WhatsApp é uma das principais ferramentas utilizadas pelos condutores.

Outra pesquisa, realizada pelo Conselho Nacional de Segurança dos Estados Unidos, mostrou que um a cada quatro acidentes de trânsito é causado pelo uso indevido de telefone móvel. O conselho estima, ainda, em 1,3 milhão o número de acidentes causados pelo uso do telefone móvel no mundo.

De acordo com as pesquisas realizadas, cinco segundos é o tempo que uma pessoa leva para digitar um número de celular, por exemplo. Parece pouco, mas, a 60km/h o carro percorre 83 metros nesse tempo. Basta uma pequena distração pra provocar um acidente. A simples mudança de marcha se torna um malabarismo.

Dirigir e usar o celular é considerada infração média pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Mas nem a multa de R$ 86,13 pela infração nem mesmo o perigo de provocar acidentes fatais fazem motoristas deixar o hábito. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2012, os acidentes de trânsito foram a principal causa de morte das pessoas entre 10 e 19 anos no mundo, com cerca de 330 casos diariamente.

Atualmente, diversas campanhas, muitas com imagens chocantes, são realizadas para alertar os condutores do risco de dirigir e usar o celular.

Fonte/ varela noticias